5 dicas para fazer moto turismo com segurança

moto turismo, viagem de moto, dicas de viagem

O vento no rosto e a sensação de liberdade ao se fazer moto turismo é algo que possui significados diferentes para cada pessoa, porém um fator precisa ser seguido à risca independente da viagem ou até mesmo do piloto: o cuidado com a segurança na hora de organizar a viagem.

Viagens de moto requerem muito planejamento, e verificar atentamente alguns pontos garantem que o percurso seja feito sem surpresas desagradáveis ou até mesmo acidentes ocasionados por negligência em alguns pontos que garantem a segurança da viagem.

Verifique a conservação da estrada

Talvez essa seja uma das etapas mais importantes do planejamento, pois a verificação do estado de conservação da estrada aumenta consideravelmente a segurança da viagem. É claro que a paisagem vale muito, mas verificar se não haverá problemas com a moto por possível má conservação da pista também precisa ser considerada.

Mantenha a revisão em dia

Antes de pegar a estrada, faça a revisão completa da sua moto. Essa inspeção garante que nenhuma peça dê um grande susto no meio do caminho. Nos casos em que a viagem é feita internacionalmente, é importante ficar atento a condição das motos oferecidas para locação. É importante, nesses momentos, contratar agências de moto turismo confiáveis e que possuem credibilidade no mercado.

Confira o estado dos pneus

Existem duas situações que precisam ser analisadas quando o assunto são as condições dos pneus da motocicleta: se ele está velho demais, e portanto está careca, precisando ser substituído ou se ele acabou de ser trocado e está novo demais para encarar uma viagem. A condição no pneu deve ser verificada nesses casos com muito cuidado, pois no caso do pneu estar com os sulcos muito rasos é importante fazer a substituição, porém os especialistas não recomendam que seja feita uma viagem muito longa logo que eles são trocados, pois os pneus novos possuem uma camada de borracha mais lisa e que não possui a aderência ideal para uma viagem.

Lubrifique a corrente

Essa dica entra na categoria de ouro para todo o motociclista que pratica moto turismo e se aventura em longas viagens. As motos que possuem corrente exigem que os proprietários fiquem atentos a sua lubrificação e limpeza. O ideal é que se use um spray lubrificante. E nunca se esqueça de levar o lubrificante junto na viagem. De acordo com as condições de solo e clima, ela deve ser feita em uma quilometragem menor ou maior.

Por exemplo: se a estrada for de terra ou o tempo estiver chuvoso, o ideal é lubrificar a corrente a cada 300 km. Se sua rota conta com rodovias asfaltadas e o tempo está mais seco, recomenda-se que a lubrificação seja feita a cada 1.000 km.

Use roupas e equipamentos adequados

Fazer viagens de moto exigem que o motociclista invista em roupas e equipamentos adequados para ter mais conforto e segurança durante o trajeto. Por mais que a famosa calça jeans e a jaqueta de couro estejam no imaginário de todo motoqueiro, quando estamos falando de uma viagem com um percurso maior é importante investir em roupas específicas, que são feitas com material resistente e protegem áreas fundamentais do seu corpo, como a coluna cervical e a caixa torácica.

Além das roupas, capacete e luvas são item essenciais além das botas de cano alto, que protegem as canelas. Lembre-se: os capacetes precisam ser fechados para proteção contra possíveis objetos que podem se deslocar em direção ao piloto, ocasionando acidentes.

Com essas dicas, praticar moto turismo fica muito mais simples e seguro. Se você não tem moto e mesmo assim quer sentir a sensação única desse tipo de aventura, entre em contato com a Friends Adventure. Nós podemos te ajudar a realizar esse sonho, além de indicar as melhores rotas e motos para o seu percurso.

Friends Adventure5 dicas para fazer moto turismo com segurança

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 3 =